*



*

Princípio da submissão

Não sou tua submissa porque Te amo.

Te amo porque sou tua submissa.


Amar Yasmine

*


Minha Alma

Eu amo minha alma despojada



Minha doce alma submissa



Minha alma que espera.. espera.. espera



Minha alma que espera quieta, subserviente e nua



Eu amo esta minha alma



Que de tão devassa e suja



Se torna pura



Amar Yasmine

*







26 de jul de 2010

Puta de mel



O que está acontecendo comigo? Há dias que tudo em mim está mais sensível. Como nunca esteve. Mãos suando gelado, rosto afogueado, orelhas queimando, pele ardendo, couro cabeludo sem poder tocar.

As veias sobressaindo, em especial as do pescoço que, quando falo, parecem que vão saltar. Olhos muito brilhantes, percebendo os mínimos detalhes de cada coisa. Ouvindo muito mais do que o normal e com mais clareza. Sentindo mais os odores e com tato de cego. Uma secura na boca e na garganta... Total falta de apetite.

Não, não uso drogas, sequer bebo. A não ser um vinho de vez em quando. Mas, me sinto bêbada... ou drogada... sei lá. O peito apertadíssimo, parece não caber o coração enorme e enlouquecido lá dentro... que nem o sexo... latejando.

Sinto saudades de algo que ainda não vivi, mas que desejo intensamente viver. Estou fazendo justiça ao apelido de "puta de mel".

7 comentários:

-=|яєßє¢α|=- disse...

Amada linda!

O que está acontecendo com nós!!!

"Ela há de querer aliviar o peso de seus ombros. Precisa divertí-lo, faze-lo rir, fazer que Ele tenha esperança na vida..."

É isso mesmo. Assim como o servir completo, proporcionando a quem nos conduz a paz essencial para o equilibrio da Dominação nunca perder o eixo: prazer completo na relação D/s.

Já sinto isso novamente...Precisamos falar!

A Beca está voltando a ser puta e ... tudo mais!

Hum... suspirando aqui...

Bj Bj

{Λїtą}_ŞT disse...

Ô amada...

se estes são os sintomas de uma doença, há de ser alguma muito boa, aquelas das quais não queremos cura.
Puta de Mel é um apelido lindo, poético, devasso e delicado como você.
Só posso desejar que você realize esse desejo da forma mais intensa possível (e que depois me conte, por favor... hahaha) e que ao realizar apareça logo outro tão intenso quanto. :P
Sua foto está linda, digna de uma Puta de Mel.
Beijos meus,

{Λїtą}_ŞT

Curiosa disse...

que lindo isso, querida .... Estás vivendo intensamente, como deveríamos viver TODA nossa vida ...

Gratíssima pelas reflexões que me deixaste ... quantas verdades ... Saiba que pensamos parecido ... Eu também me entrego e não deixo nada passar ... Sorvo cada gota que a vida me dá ... Vez que outra ocorre de uma caída, que não dura mais que alguns dias ... e me dou direita a ela ... Pois dela saio renovada, inteira, renascida para, novamente, entregar-me para a vida ...

Gostei daqui ...
Logo, gostei de você .. Estou te adicionando entre meus blogues preferidos ...


beijos, amada! e grata, mais uma vez!

_lua_ disse...

Oi belissima!!!
então menina, não sei o que pode ser isso.. já tentou apagar meu endereço e readicionar?? talvez funcione!

Eu tbm estou tendo dificuldades, mas para mim, não aparece a imagem no meu ícone, aparece vazio.. :(

Problemas de ser excluida e voltar pela metade.. *rss*

Espero que isso possa ser corrigido o mais breve possvivel!

No mais, seu cantinho está ficando tão belo ou mais, do que era!!

bjs ternos, lindona!!

bj bj!

_lua_ disse...

Querida!!! em tempo... esqueci de dizer hj cedinho.. pode pegar o que quiser lá do meu blog.. fique a vontade!!

bj gde!

candonguinha disse...

Hahahahahaha, não é por sadismo que rio.

É por saber que acontece com todas nós. Ou muitas de nós. De uma forma ou de outra, acontece. Falta de apetite ou compulsão por comida. Falar em demasia ou apatia. Uma percepção das coisas tão particular e intensa, que mesmo que por dias, parece marcar muito.

Cada uma de seu modo, com suas particularidades, no seu caminho, mas temos esse ponto em comum sim. DNA, hormônio, seja o que for.

A gente tem que ir aprendendo a lidar com isso, conosco mesmas.

Bjos bjos

gorrión da Maga disse...

Amar Yasmine... você é a essência da servidão.

É muito lindo o seu sentir.
Servir é isto mesmo Amar, é como um dom.
Nascemos assim vivemos, somos assim e almejamos sempre algo mais, uma nova ou mais intensa forma de servir, de ser cada vez mais parte de que nos Domina...

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails